SCRUM

O Scrum foi um método desenvolvido para dar velocidade e planejamento estratégico aos projetos. Com ele, é possível desenhar um cronograma semanal para que as tarefas sejam desenvolvidas com rapidez e de forma relevante para o cliente.

Esse método têm como base os Sprints, que são ciclos (normalmente semanais, mas podem variar de acordo com o produto que a empresa deseja entregar). Cada um desses ciclos tem um conjunto de tarefas e cada uma delas é destinada a um membro da equipe. Todos os membros devem terminar suas tarefas para que o Sprint possa ser considerado concluído. Isso torna o ambiente colaborativo, já que os funcionários ajudam uns aos outros com esse objetivo em comum.

AGILE

O Agile é uma metodologia que se encaixa perfeita com o Scrum. Ele tem a missão de tornar os trabalhos entregues mais satisfatórios aos olhos dos clientes. Por isso, uma pessoa na equipe fica responsável por representar o “dono do produto”, assim ele apresenta uma visão externa dos projetos e dá sugestões sobre como aquele trabalho pode melhorar para levar mais resultados.

Ele funciona com a implantação do “backlog” (visão geral a longo prazo) nos processos. Aqui, todos os macros (projetos a longo prazo) se tornam visíveis, então é possível notar quais tarefas gerarão menores ou maiores esforços e quais delas irão gerar mais ou menos resultados para o cliente.

Então você pode balancear tarefas de maior e menor esforço que darão mais resultados aos clientes. Muitas vezes as empresas ficam focadas tempo demais em tarefas de grande esforço que trazem poucos resultados. No Agile isso não irá acontecer.

Além disso, os processos de produção ficam mais organizados, inteligentes e rápidos. As equipes se tornam multifuncionais e, embora cada área tenha um especialista, eles sabem o que os outros estão fazendo e são capazes de ajudar o próximo.

Reuniões diárias acontecem para que a equipe possa se comunicar e assim todos ficam sabendo exatamente o que está acontecendo em cada projeto – desde quem está realizando-o e em qual fase ele está. Como muitas vezes um projeto não evolui na mão de uma pessoa só, com as reuniões cada um fica ciente sobre os obstáculos e qual será a sua hora de entrar no projeto.